STF encaminha 2ª denúncia contra Temer

Foto: Jorge William / Agência O Globo

A maioria dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) julgou nesta quarta-feira (20) procedente o envio da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer para a Câmara dos Deputados.

O presidente foi acusado pela PGR (Procuradoria-Geral da República) de obstrução de Justiça e participação em organização criminosa.

Na câmara, a denúncia precisa ser aprovada por 342 dos deputados para que o tribunal decida sobre a abertura de um processo contra o peemedebista.

O caso começou a ser discutido na semana passada. Os magistrados debatem se o pedido é constitucional. A tendência era que os ministros não acolhessem a suspensão da tramitação.

A defesa de Temer alega que a tramitação da denúncia deve ser suspensa até que “questões preliminares” envolvendo as provas da delação da JBS sejam resolvidas. As informações dos colaboradores do frigorífico foram utilizadas como base para a acusação.

Janot rompeu o acordo com os delatores da JBS, mas o material entregue por eles segue em posse da Procuradoria-Geral. Fachin não precisaria esperar esse julgamento do Supremo para enviar a denúncia à Câmara.

 

 

Com Folha de São Paulo

Por: KLEBSON WANDERLEY em 21 de setembro de 2017

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!