Lula volta a fazer críticas ao novo Governo: “Brasil não merece isso”

Em entrevista exclusiva a Folha de S. Paulo e EL País, o ex-presidente Lula afirmou, nesta sexta-feira (26) que ficaria preso por mais cem anos mas não trocaria a dignidade pela liberdade .”Eu tenho um compromisso com esse país”, concluiu.

O ex-presidente voltou a fazer críticas sobre o atual Governo do país e, conforme a Folha, sugeriu que a elite brasileira fizesse uma autocrítica após a eleição de Jair Bolsonaro.  “O que não pode é esse país estar governado por esse bando de maluco que governa o país. O país não merece isso e sobretudo o povo não merece isso”, afirma.

Os jornalistas foram recebidos em uma sala preparada pela Polícia Federal, na sede do órgão localizada em Curitiba, onde Lula está preso. Sobre a decisão do ex-juiz e atual ministro Sergio Moro, responsável pela condenação, o ex-presidente reafirma a inocência: “Sei muito bem qual lugar que a história me reserva, e sei também quem estará na lixeira”.

Recentemente o ex-presidente Lula teve a pena revisada pela 5ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), a condenação pelos crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva, no caso do tríplex do Guarujá, foram mantidas, mas a pena foi reduzida para 8 anos, 10 meses e 20 dias de reclusão.

Após sete meses de disputa judicial, a decisão foi revista pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, que autorizou os dois veículos de comunicação a entrevistarem o ex-presidente, preso há um ano.

Com Mais PB

Por: KLEBSON WANDERLEY em 27 de abril de 2019

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!