Polícia prende acusados de assassinato de albergado encontrado no campo do Vasco em Serra Branca

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quarta-feira (11), os acusados do assassinato do albergado conhecido como Nego de Severinho de Chata, encontrado morto no dia 28 de março, no campo do Vasco, em Serra Branca. Os acusados detidos foram o albergado Fabrício Nunes de Oliveira, de 30 anos, e um menor de idade de 17 anos.

Inicialmente as investigações policiais apontavam que o motivo do assassinato teria relação direta com o tráfico de drogas, mas foi descoberto que há 15 dias antes do crime, Nego de Severino de Xata e Fabrício tiveram uma discussão durante o albergue na cadeia de Serra Branca. Este foi o principal motivo do assassinato que contou ainda com a participação direta de um menor de idade.

O menor já possui várias passagens pela polícia e além do assassinato está sendo investigado por estar comandando uma boca de fumo, que já havia sido desarticulada, no bairro dos Pereiros. O menor passa nesta quarta-feira(11) por uma audiência no Fórum de Serra Branca que poderá determinar sua internação ao Lar do Garoto em Campina Grande.

As investigações foram realizadas pela Delegacia de Polícia Civil de Serra Branca juntamente com a colaboração da Companhia de Polícia Militar local.

De Olho no Cariri

 

 

 

Por: KLEBSON WANDERLEY em 11 de abril de 2018

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!