Ministério Público denuncia Berg Lima por nepotismo

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) denunciou, através da Promotoria de Justiça de Bayeux, o prefeito afastado da cidade, Berg Lima, por improbidade administrativa pelo crime de nepotismo.

A ação assinada pela promotora Maria Edligia Chaves Leite feita nesta sexta-feira (20), aponta as nomeações de Berg Lima para suas tias em cargos da administração municipal.

“As nomeações feitas pelo prefeito afastado Gutemberg Lima, de suas tias para os cargos da gestão municipal ferem a Constituição Federal e caracterizam nepotismo, isso é indiscutível, portanto, a presente ação deve ser recebida, pois existe o ato de improbidade”, argumenta a promotora.

De acordo com a denúncia, Marina Passos e Ana Paula Moura de Lima haviam sido nomeadas, respectivamente, para o cargo de coordenadora geral na Secretaria de Trabalho e Assistência Social, e motorista.

Com Click PB

Por: KLEBSON WANDERLEY em 21 de Abril de 2018

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!