Gilmar Mendes solicita informações com urgência à Justiça da PB sobre presos na Calvário

O ministro Gilmar Mendes, Relator da Operação Calvário no Supremo Tribunal Federal (STF)  solicitou ao Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ-PB) e ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) em despacho emitido na tarde desta terça-feira (4) “informações, com urgência” sobre os processos referentes a quatro presos da investigação do Ministério Público.

São eles: o irmão do ex-governado Ricardo Coutinho, Coriolano Coutinho, os ex-secretários do Estado, José Arthur Viana Teixeira e Waldson Souza, e o empresário Vlademir Neiva. Todos foram presos no dia 17 de dezembro do ano passado na sétima fase da Operação Calvário.

Os denunciados são acusados de integrarem a organização criminosa chefiada pelo ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), que teria desviado pelo menos R$ 134 milhões da Saúde e Educação através de contratos com organizações sociais.

Click PB

Por: KLEBSON WANDERLEY em 5 de fevereiro de 2020

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!